Buscar

post

A diferença de interpretar e compreender um texto

A diferença de interpretar e compreender um texto

A compreensão e interpretação de texto são habilidades fundamentais para quem deseja garantir uma vaga na faculdade e traçar uma carreira profissional de sucesso. Afinal, elas são comumente exigidas em vestibulares e concursos públicos. Mas, vem cá, você sabe qual é a diferença entre interpretar e compreender textos?

Diretamente relacionadas, as palavras têm objetivos diferentes: enquanto uma está relacionada ao entendimento, a outra está atrelada às conclusões. Ao longo deste texto, daremos alguns exemplos e dicas para te ajudar a diferenciar os termos e, principalmente, criar uma estratégia de leitura. Por isso, continue a leitura!

Entenda a diferença de interpretar e compreender

É inegável que a leitura impulsiona o conhecimento, permitindo o desenvolvimento da capacidade intelectual e crítica das pessoas. Mas, também é importante notar que existem diferentes formas de ler um texto ou um livro. Aliás, você já parou para pensar se você está absorvendo o conteúdo ou apenas refletindo sobre ele?

É aí que entra a necessidade de entender a diferença entre interpretar e compreender. 

O que é compreensão de texto?

A compreensão está diretamente relacionada a uma análise mais objetiva do texto, a fim de entender a mensagem que está sendo transmitida de maneira. Em outras palavras, ela visa decodificar o que está escrito e assimilar as principais palavras e ideias por meio de informações concretas. 

Um aspecto importante a ser levado em consideração, é que na compreensão de texto, você não tende a opinar, criticar e nem mesmo a concordar ou discordar de qualquer questão. É como quando você lê um jornal: a mensagem passada e a sua finalidade foi compreendida, mas não exige uma conclusão da sua parte.

O que é interpretação de texto?

A interpretação de texto, por sua vez, se refere a tudo aquilo que podemos concluir sobre um determinado assunto. Ou seja, a sua análise e conclusão a respeito das ideias do autor, como algo muito mais subjetivo e que permite ampliar a sua reflexão.

Ao contrário da compreensão, esse tipo de ação exige um conhecimento prévio do assunto abordado, bem como da língua e vocabulário, para que seja possível, de fato, estabelecer uma opinião.

Aliás, a reflexão e a crítica estão completamente atreladas à interpretação de texto, assim como seu conhecimento de mundo e as suas experiências, que podem ser fundamentais no processo. 

Assim, podemos dizer que, a grosso modo, a interpretação envolve a capacidade de chegar a determinadas conclusões após a leitura, podendo variar de leitor para leitor.

Dicas para compreender e interpretar textos

A interpretação e compreensão de texto são elementos fundamentais para garantir um bom resultado acadêmico e, ainda, conquistar aquela vaga de emprego tão sonhada – seja em concurso ou em uma empresa privada. Afinal, é preciso saber como se virar em situações do dia a dia, não é mesmo?

Assim, de dados concretos e objetivos à análise subjetiva e com interferência dos conhecimentos externos, entender a diferença de interpretar e compreender um texto pode ser crucial para o seu sucesso acadêmico e profissional.

Além de uma leitura mais atenta e conhecimento amplo sobre determinados assuntos, as habilidades podem ser desenvolvidas com algumas dicas, conforme abaixo:

  • Cultive o hábito de ler. A boa interpretação e compreensão de texto está ligada diretamente ao hábito da leitura. Quanto mais você ler, mais facilidade e velocidade terá para entender ou opinar sobre determinado assunto. Além disso, a leitura amplia seu conhecimento em relação às palavras e expressões, o que pode ser crucial no dia a dia e em provas e vestibulares. Por isso, leia sempre e leia muito tudo o que tiver à disposição: aprender nunca é demais!
  • Estabeleça o primeiro contato com o conteúdo. Leia todo o texto pausadamente

e verifique qual o assunto tratado e como você deve se posicionar: de forma crítica ou apenas observadora.

  • Sempre que identificar uma palavra que não conhece ou saiba o significado, destaque-a. Primeiro, tente entender pelo contexto o que as palavras querem dizer. Depois, procure o significado de cada uma delas e, se necessário, substitua-as por termos mais conhecidos. Isso ajuda a entender o conteúdo – e ainda aumenta seu vocabulário.
  • Separe o texto por parágrafos e selecione as ideias mais importantes. Dessa forma, fica mais fácil de ler e interpretar ou compreender o que foi dito até aquele momento. Uma boa dica é utilizar um rascunho para fazer um resumo daquilo que leu, de modo a exercitar a mente.
  • Elabore um esquema de perguntas e respostas a cada parágrafo. Quanto mais você se questiona sobre o conteúdo, melhor absorve o teor das suas palavras e os seus significados.
  • Releia o texto do início. Além de ler o texto todo com calma, é fundamental ler novamente, no mínimo, uma vez, para analisar as ideias com maior clareza.
  • Separe os fatos e as opiniões. Este é um exercício para diferenciar a compreensão e a interpretação, por isso, lembre-se de que a primeira está mais ligada a fatos, enquanto que a segunda está associada a uma opinião.

Importância de saber a diferença de interpretar e compreender

Saber compreender e interpretar textos é como abrir uma porta para o sucesso. Isso porque, essas habilidades são altamente cobradas em provas de vestibulares, concursos públicos e, claro, em entrevistas de emprego. Muito além da língua portuguesa, os elementos são necessários para que você se saia bem em qualquer situação.

Por isso, entender a diferença de interpretar e compreender um texto e, principalmente, como fazer isso, é necessário para alçar novos vôos e conquistar o sucesso acadêmico e profissional.

Aliás, se você chegou até aqui, deve ter entendido os principais pontos de cada um dos termos. Agora, é hora de aplicar o conhecimento em seu dia a dia: pegue um livro ou um conteúdo na internet que seja do seu interesse e comece a exercitar a sua mente.

Aos poucos, você estará muito mais preparado para suas provas e, principalmente, para dar o seu melhor no ambiente profissional, onde a compreensão e interpretação são tão fundamentais.

Gostou da dica? Que tal aproveitar para compartilhar esse texto com a sua rede de contatos e ajudá-los a entender a diferença entre esses termos tão comuns e necessários em nosso dia a dia?

E não se esqueça de acompanhar o nosso blog!

No Comments

Add your review

Your email address will not be published.

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support